Mais de cinco milhões de pessoas vivem em pobreza absoluta em Itália

Mais de cinco milhões de pessoas vivem em pobreza absoluta em Itália
De  Euronews com Reuters
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

É o número mais elevado da última década. Pobreza absoluta atinge 8,4% da população.

PUBLICIDADE

Há 5,1 milhões de pessoas a viver em pobreza absoluta em Itália. É o número mais elevado desde que o Instituto Italiano de Estatística (Istat) começou a registar os dados em 2005.

A escalada da pobreza no último ano atinge 8,4% por cento da população, apesar de a economia estar a crescer ligeiramente há quatro anos consecutivos.

O produto interno bruto subiu 1,5% no ano passado. As previsões para este ano antecipam um cenário semelhante, o que coloca a Itália entre as economias mais lentas da zona euro. 

O Istat define pobreza absoluta como a condição daquelas que não conseguem comprar bens e serviços "essenciais para evitar formas graves de exclusão social".

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Compraram apartamento e não têm onde viver

Croata bate recorde mundial de mergulho em apneia no gelo

O país mais velho da Europa: o que está por detrás do problema do envelhecimento em Itália?