EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Mnangagwa foi declarado Presidente mas a oposição rejeita

Mnangagwa foi declarado Presidente mas a oposição rejeita
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

A Comissão Eleitoral declarou Emmerson Mnangagwa, do partido ZANU-PF, como novo Presidente do Zimbabué mas o opositor, Nelson Chamisa, do MDC, rejeita os resultados.

PUBLICIDADE

Emmerson Mnangagwa foi declarado novo Presidente do Zimbabué. O antigo braço direito de Robert Mugabe ganhou com mais de 50% dos votos mas a oposição não reconhece o resultado.

"Emmerson Dambudzo Mnangagwa do partido União Africana Nacional do Zimbabué - Frente Patriótica (ZANU-PF) foi devidamente eleito Presidente da República do Zimbabué," declarou a presidente da Comissão Eleitoral, Priscilla Chigumba.

Logo após o anúncio, Mnangagwa foi ao Twitter para agradecer aos zimbabueanos e saudou "um novo começo".

A vitória do Presidente interino e ex-chefe dos serviços secretos faz com que o partido ZANU-PF mantenha o controlo do Governo desde a queda do líder de longa data, Robert Mugabe, em novembro.

Mnangagwa, de 75 anos, conseguiu 50,8% dos votos - ao ter mais de 50% dos votos, o Presidente evita uma segunda volta - enquanto o principal opositor, Nelson Chamisa, do Movimento para a Mudança Democrática (MDC), somou 44,3%.

Antes do anúncio oficial, Chamisa tinha reivindicado a vitória.

Entretanto, o MDC disse que rejeitava os resultados e que iria para os tribunais.

"Os resultados anunciados não foram verificados por nós... logo, os resultados são falsos," declarou o porta-voz do MDC, Morgan Komichi.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Constitucional confirma Emmanuel Mnangagwa como presidente

Helicóptero do presidente iraniano faz "aterragem forçada", informa a imprensa estatal

Líder militar vence eleições no Chade, apesar de alegações de fraude