EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Brexit: Limam-se as arestas da "fronteira" irlandesa

Brexit: Limam-se as arestas da "fronteira" irlandesa
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Negociador e governo britânico querem chegar a acordo já no próximo mês

PUBLICIDADE

As negociações para o Brexit "estão a avançar", diz o negociador do "divórcio" entre o Reino Unido e a União Europeia.

Numa cimeira informal em Salsburgo, Michel Barnier quis explicar uma das soluções apresentadas por Theresa May. A primeira-ministra quer uma zona livre de taxas e alfândegas entre o Reino unido e a UE, na fronteira entre as duas irlandas.

Barnier esclarece: "Nós não estamos a falar de uma fronteira, nem na terra, nem no mar. Não. É um conjunto de verificações e controlos técnicos, muitos dos quais, quase todos, não podem ser colocados em prática, a não ser num local físico na Irlanda do Norte.", admitiu. 

"Espero que, com base em elementos práticos simples e objetivos, possamos demonstrar que esse reforço melhorado é aceitável e que, em algum caso, ele constitui qualquer fronteira. Nós respeitamos a integridade territorial do Reino Unido.", concluiu o negociador. 

Já do coordenador Brexit do Parlamento Europeu, Guy Verhofstadt, diz que não quer que o mercado único fique prejudicado. "Não nos vamos comprometer de maneira a destruir o mercado único ou a União Europeia. Isso é o que não iremos fazer.", disse em entrevista à Euronews. "Não nos podemos, por exemplo, comprometer e dizer 'ok, a união aduaneira já não existe na UE e vamos fazer um acordo alfandegário facilitado com diferentes tarifas e externalizar as nossas tarifas alfandegárias'. Isso não é possível.", admitiu. 

As negociações continuam, ambas as partes querem um acordo já no próximo mês. Para Donald Tusk, esse acordo só será alcançado em Março de 2019.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

União Europeia marca cimeira sobre o Brexit para novembro

Negociações do Brexit seguem num espírito de cooperação

Brexit: Governo de May alertado para o pior dos cenários