Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Partido Trabalhista admite novo referendo ao Brexit

Partido Trabalhista admite novo referendo ao Brexit
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O Partido Trabalhista aprovou uma proposta que admite a possibilidade de um novo referendo ao Brexit. O líder da oposição, tem-se mostrado reluctante em apoiar um novo escrutínio à vontade de abandonar a União Europeia por parte da Grã-Bretanha. No entanto, Jeremy Corbyn afirma que irá seguir a vontade dos membros do partido.

Em entrevista à BBC, Corbyn afirmou "que todas as opções devem ser consideradas se e quando este governo entrar em colapso ou suas negociações entrarem em colapso. As opções ainda estão lá".

No entanto, quando questionado sobre se votaria para sair ou permanecer na União Europeia, a resposta foi ambígua: "Não sabemos qual será a questão no referendo, então essa é uma questão hipotética."

A posição pouco concreta do líder trabalhista não deixa de ir contra a da primeira-ministra Theresa May, que continua a defender o resultado do primeiro referendo.

A pouco mais de seis meses da saída da Grã-Bretanha da União Europeia, May ainda precisa chegar a um acordo sobre os termos do divórcio. Um acordo que terá de vir a ser aprovado pelo parlamento.