Última hora

Última hora

Breves de Bruxelas: Filósofo A.C. Grayling fala sobre o Brexit

Em leitura:

Breves de Bruxelas: Filósofo A.C. Grayling fala sobre o Brexit

Breves de Bruxelas: Filósofo A.C. Grayling fala sobre o Brexit
Tamanho do texto Aa Aa

O britânico AC Grayling, um dos filósofos mais conhecidos da atualidade, admite que mudou de opinião em relação à independência da Escócia.

Há quatro anos defendia que o país se deveria manter no Reino Unido, mas agora, entrevistado pela Euronews, diz que os escoceses têm justificação para sair, por causa do Brexit.

Neste programa que passa em revista a atualidade europeia diária destacamos também o homicídio da jornalista búlgara Viktoria Marinova que está a chocar a União Europeia.

Os políticos europeus expressaram tristeza e revolta por esta morte, a terceira de um jornalista reconhecido num estado membro, só no último ano.

A Comissão Europeia lembra que não há democracia sem uma imprensa livre e os políticos europeus pedem um inquérito rápido ao caso.

Noutras notícias, as Nações Unidas alertam para o risco de catástrofes climáticas nas próximas décadas. Um aviso que surge numa altura em que um documento preliminar da União Europeia atira a meta de emissões zero no espaço europeu para 2070.

Contamos-lhe também a história do famoso estilista turco Barbaros Sansal, que decidiu exilar-se em Bruxelas.

O ativista pelos direitos LGBT, de 61 anos, foi espancado por uma multidão, no ano passado, quando chegou de avião a Istambul. Depois foi detido e passou 56 dias em isolamento.

Tudo porque publicou um video nas redes sociais a criticar o governo turco.