Última hora

Última hora

Israel ataca Faixa de Gaza em resposta a disparos de "rockets"

Em leitura:

Israel ataca Faixa de Gaza em resposta a disparos de "rockets"

Israel ataca Faixa de Gaza em resposta a disparos de "rockets"
Tamanho do texto Aa Aa

A aviação israelita atacou cerca de duas dezenas de posições militares na Faixa de Gaza na sequência de disparos de morteiros, provenientes do enclave palestiniano.

Israel responsabiliza o Hamas pela ofensiva que destruiu, antes do amanhecer desta quarta-feira, uma casa localizada na cidade de Be'er Sheva, no sul do país, a cerca de 40 quilómetros da Faixa de Gaza. O movimento islamista nega o envolvimento.

De acordo com Exército israelita, um outro "rocket" foi lançado mas acabou por cair no mar Mediterrâneo.

A família que ocupava a casa encontra-se a salvo mas do lado palestiniano, de acordo com as autoridades, há registo de um morto e de cinco feridos.

Os ataques surgem numa altura em que mediadores egípcios tentam negociar um cessar-fogo de longo prazo depois de meses de violência entre as partes.

O ministro israelita da Defesa, Avigdor Lieberman, ordenou o encerramento dos pontos de passagem de Erez, para as pessoas, e de Kerem Shalom, para bens. A essas medidas acrescentou uma redução da área de pesca autorizada fora da Faixa de Gaza de seis para três milhas.