Última hora

Última hora

Mnuchin cancela deslocação à Arábia Saudita

Em leitura:

Mnuchin cancela deslocação à Arábia Saudita

Mnuchin cancela deslocação à Arábia Saudita
Tamanho do texto Aa Aa

O Secretário do tesouro norte-americano, Steven Mnuchin, anunciou que não estará presente na conferência de investimentos prevista para este mês na Arábia Saudita.

"Queremos saber toda a verdade"

Bruno Le Maire Ministro das Finanças, França

O anúncio teve lugar após o regresso a Washington do secretário de estado norte-americano Mike Pompeo que se deslocou ao Médio Oriente.

Anteriormente designada como "Davos no Deserto", o evento previa inicialmente a participação de cerca de 150 personalidades mundiais da área da tecnologia e negócios.

As desistências têm contudo vindo a multiplicar-se.

Entre os cancelamentos mais recentes conta-se o do ministro do comércio britânico, Liam Fox, assim como o ministro francês das Finanças, Bruno Le Maire.

"Para a semana não me deslocarei a Riade. O presidente da República disse-o de forma clara, estes factos são sérios e queremos saber toda a verdade", adiantou o responsável francês.

Na terça-feira, a diretora-geral do Fundo Monetário Internacional, Christine Lagarde, cancelou a participação na conferência.

"Sou responsável pelos assuntos do FMI nos quatro cantos do mundo e com muitos governos", disse a alta responsável.

Dezenas de empresários cancelaram igualmente as suas presenças, entre eles, os representantes do banco JPMorgan Chase, Ford, MasterCard, HSBC e Uber.

"Penso que a comunidade empresarial está a dizer que isto não é normal, estamos a expressar as nossas preocupações em total contraste com a forma como a administração lidou com esta questão", afirmou Michael Posner, professor na escola de gestão NYU Stern School of Business.