A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Usain Bolt fica sem clube na Austrália

Usain Bolt fica sem clube na Austrália
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Ainda não é desta que Usain Bolt cumpre o sonho de se tornar futebolista profissional.

O oito vezes campeão olímpico de velocidade não chegou a acordo para assinar contrato com o Central Coast Mariners, da primeira divisão australiana.

Num comunicado, o clube agradece o tempo que Bolt esteve no clube e explica que não conseguiu encontrar um parceiro externo que pudesse financiar o contrato com a estrela jamaicana.

Bolt, de 32 anos, integrou a equipa, à experiência, nos últimos dois meses e chegou mesmo a marcar dois golos num jogo amigável, mas não foi o suficiente para convencer o presidente do clube, Shaun Mielekamp, a inscrevê-lo no campeonato.

Questionado se a saída do jamaicano tinha sido uma questão financeira ou a falta de qualidade enquanto futebolista, o presidente dos Mariners foi diplomático e disse que Bolt aprendia rápido, mas que tinha sido sobretudo um problema de timing.