Última hora

Última hora

Liberais europeus e partido de Macron juntos nas Europeias

Em leitura:

Liberais europeus e partido de Macron juntos nas Europeias

Liberais europeus e partido de Macron juntos nas Europeias
Tamanho do texto Aa Aa

A luta contra as ideias extremistas é uma das principais mensagens do Manifesto aprovado pelo Partido Liberal Europeu.

O Congresso, que terminou este sábado, em Madrid, estabeleceu as diretrizes para as eleições europeias, que serão travadas em coligação com o partido “Em Marcha” e outras forças políticas.

Astrid Panosyan, co-fundadora do partido de Emmanuel Macron, sublinha que há muito trabalho a fazer para além da oposição ao nacionalismo.

“Temos de propor uma agenda positiva. Temos de restaurar a esperança num futuro positivo para os europeus e é disso que estou a falar quando falo na luta contra as alterações climáticas, inclusão social e segurança para os nossos cidadãos”.

As relações entre o Reino Unido e a União Europeia no período pós Brexit preocupam Bruxelas. Vince Cable, líder dos liberais britânicos, acredita que a recusa do acordo pelo parlamento nacional pode abrir uma oportunidade para reverter o processo.

“Pensamos que existe uma possibilidade de podermos formar uma maioria para realizarmos um referendo, um voto do povo como nós chamamos, com a opção de permanecermos na União Europeia".

Terminado o congresso e assinado o Manifesto, uma equipa de candidatos para as eleições europeias entra agora no terreno e nas redes sociais para passar a mensagem dos liberais.