Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Breves de Bruxelas: O finca-pé italiano, Navalny, União Europeia e o Prémio Lux

Breves de Bruxelas: O finca-pé italiano, Navalny, União Europeia e o Prémio Lux
Tamanho do texto Aa Aa

Nesta edição falamos do finca-pé do Governo italiano. Irredutível, o executivo eurocético fez orelhas moucas ao pedido da Comissão Europeia de reformulação da proposta orçamental e mantém a meta do défice nos 2,4% e a perspetiva de crescimento económico em 1,5%. Um braço-de-ferro, dizem os eurodeputados, que pode custar caro.

Falamos ainda de Alexei Navalny. O líder da oposição russa confirmou esta quarta-feira a "luz verde" para sair da Rússia depois de ser barrado na véspera num aeroporto de Moscovo e proibido de abandonar o país, alegadamente, por uma decisão de um oficial de justiça.

Também em destaque o site "O que a Europa faz por mim", lançado pelo Parlamento Europeu. Os utilizadores podem consultar o que Bruxelas fez por uma região, profissão em particular ou direitos. A iniciativa, à distância de um clique, faz parte da campanha de comunicação para as eleições europeias de maio do ano que vem.

Por fim, a confirmação do vencedor da edição deste ano do Prémio Lux de Cinema do Parlamento Europeu. Foi atribuído ao filme "Woman at War", do islandês Benedikt Erlingsson.