CIA diz que Mohammed bin Salman mandou matar Khashoggi

CIA diz que Mohammed bin Salman mandou matar Khashoggi
De  Nara Madeira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A CIA acredita que o príncipe saudita Mohammed bin Salman ordenou o assassinato do jornalista Jamal Khashoggi, morto na Embaixada da Arábia Saudita em Istambul.

PUBLICIDADE

A CIA acredita que o príncipe saudita Mohammed bin Salman ordenou o assassinato do jornalista Jamal Khashoggi, morto na Embaixada da Arábia Saudita em Istambul. A informação é avançada por fontes próximas da investigação que acrescentam que esta situação compromete os esforços do presidente Donald Trump para preservar os laços com um importante aliado dos EUA. Nem a Casa Branca nem o Departamento de Estado comentam esta informação divulgada pelo Washington Post.

Nas redes sociais o irmão do príncipe herdeiro afirmava que o último contacto que tinha tido com Khashoggi tinha sido através de mensagem, a 26 de outubro de 2017. Garantia que nunca tinha falado com ele por telefone e que não sugeriu que ele se deslocasse à Turquia. Pedia ainda aos EUA que divulgassem qualquer informação que tivessem sobre esta questão.

Jamal Khashoggi foi morto a dois de outubro último na representação diplomática da Arábia Saudita. Continua por esclarecer o que aconteceu. O seu corpo não foi, até ao momento, encontrado.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Bin Salman anuncia investimento de 20 mil milhões no Paquistão

Donald Trump diz que não vai desperdiçar negócios com a Arábia Saudita

Morreu o ex-vocalista dos Smash Mouth, grupo que deu "brilho" à banda sonora de Shrek