"Coletes Amarelos": O rasto da violência em Paris

"Coletes Amarelos": O rasto da violência em Paris
Direitos de autor REUTERS
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

"A questão agora é qual será o próximo passo deste movimento que surpreendeu os políticos franceses e será que o presidente francês, Emannuel Macron, será capaz de mudar as coisas, quando milhares de pessoas saem às ruas para exigir a sua demissão".

PUBLICIDADE

"Outro dia de extraordinários níveis de violência aqui em Paris. Este carro foi incendiado, aquele também. As montras destas lojas estão completamente destruídas. Vai demorar algum tempo a limpar todos estes destroços. Era exatamente isto que as autoridades queriam evitar, a repetição deste tipo de estragos na capital francesa.

As autoridades montaram um aparato de segurança sem precedentes, com 90 mil agentes de segurança destacados em todo o país neste quarto sábado de protestos dos coletes amarelos. Um movimento que tem agitado o país. Algo que parece não conter os manifestantes. No entanto, milhares de pessoas foram detidas e destas, várias centenas ficaram sob custódia.

A questão agora é qual será o próximo passo deste movimento que surpreendeu os políticos franceses e será que o presidente francês, Emannuel Macron, será capaz de mudar as coisas quando milhares de pessoas saem às ruas para exigir a sua demissão". Conclui a enviada da euronews, em Paris, Anelise Borges.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Governo francês faz balanço de protesto "totalmente inaceitável"