Última hora

Última hora

ONU entrega prémios dos Direitos Humanos

ONU entrega prémios dos Direitos Humanos
Tamanho do texto Aa Aa

A sessão comemorativa dos 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos, esta terça-feira na Assembleia Geral da ONU em Nova Iorque, foi a ocasião para a entrega dos Prémios dos Direitos Humanos das Nações Unidas.

O galardão é entregue cada cinco anos, desde 1963, a indivíduos ou organizações que contribuem de forma excecional para a defesa destes direitos fundamentais.

Em 2018, foram galardoadas três mulheres:

  • Joênia Wapichana, primeira mulher indígena a ocupar um assento no Congresso do Brasil, pelo ativismo a favor das populações nativas;

  • Rebeca Gyumi, fundadora e diretora da ONG Msichana, pelo trabalho em defesa das raparigas e mulheres na Tanzânia;

View this post on Instagram

??

A post shared by Rebeca Gyumi Nyantori (@rebecagyumi) on

  • e a ativista paquistanesa Asma Jahangir, que recebe o prémio a título póstumo, por um legado de décadas de luta contra o extremismo religioso e em defesa das minorias oprimidas.

Também foi premiada a ONG irlandesa "Front Line Defenders", que opera na proteção dos defensores dos Direitos Humanos.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, aproveitou a data para alertar para o aumento do autoritarismo, da intolerância e do racismo no mundo.