A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Ministro britânico alerta para impacto negativo de um Brexit sem acordo

Ministro britânico alerta para impacto negativo de um Brexit sem acordo
Direitos de autor
عکس از رویترز
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Passado o período festivo, está de volta a telenovela em torno do Brexit. Os deputados britânicos vão votar em breve o acordo que Theresa May conseguiu em Bruxelas, mas o mais provável é que este não seja aprovado. Perante esse cenário, o Reino Unido ou sai sem acordo ou realiza um segundo referendo.

O ministro britânico dos Negócios Estrangeiros, Jeremy Hunt, deixa um alerta: "Temos de nos lembrar que um Brexit sem acordo iria causar perturbações que iriam durar algum tempo. Mas um segundo referendo iria causar também danos incríveis, porque somos uma democracia. O povo britânico deu-nos instruções, pediu-nos para sairmos da União Europeia e estão à espera que nós o façamos".

Uma nova sondagem do Partido Trabalhista mostra que mais de 70% dos seus membros querem que o líder Jeremy Corbyn faça pressão para que haja um segundo referendo. Um pedido difícil de fazer a um eurocético.

A oposição critica alguns dos preparativos do Executivo para a saída da União Europeia, sem um eventual acordo. O Governo atribuiu um contrato lucrativo de transporte em ferry a uma empresa sem barcos, nem experiência.