A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Alemanha suspende participação na Operação Sophia

Alemanha suspende participação na Operação Sophia
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Alemanha suspendeu a participação na Operação Sophia da União Europeia, que combate o tráfico de pessoas no Mediterrâneo desde 2015.

Depois da fragata Augsburg, nenhuma embarcação alemã vai participar das patrulhas na costa da Líbia. Apesar de não enviar mais navios para o Mediterrâneo, a Alemanha vai manter soldados na base de operações e num navio-guia.

O ministro do Interior italiano, Matteo Salvini, já comentou a decisão alemã, dizendo que esta saída não é um problema para o seu país, já que o objetivo da missão "Sophia" era apenas desembarcar todos os migrantes em Itália. E que isso foi o que aconteceu com 50 mil chegadas ao seu país.

As Forças Armadas alemãs informaram que a operação da União Europeia levou à detenção de mais de 140 suspeitos de tráfico de pessoas e à destruição de mais de 400 embarcações.