Última hora

Última hora

O dia em que a moda ficou menos criativa: morreu Karl Lagerfeld

O dia em que a moda ficou menos criativa: morreu Karl Lagerfeld
Tamanho do texto Aa Aa

O dia em que a moda ficou menos criativa. Morreu Karl Lagerfeld, o responsável pelas coleções dos últimos trinta anos da Chanel. Nascido em Hamburgo, na Alemanha, Lagerfeld, de 85 anos tinha sido hospitalizado de emergência esta segunda-feira.

Em 2016, em entrevista à euronews dizia que não tinha uma casa, o mundo era a sua casa.

E, por isso mesmo, quando questionado sobre a saída do Reino Unido da União Europeia, o designer mostrou-se "chocado, sobretudo porque quem promoveu o Brexit de imediato abandonou o barco".

Karl Lagerfeld não entendia porque razão os ingleses queriam sair do bloco europeu uma vez que sempre tiveram uma posição privilegiada. Além disso, fazia prognósticos muito negativos para o futuro do Reino Unido pós-Brexit.

Na moda, Karl Lagerfeld dizia ter um "contrato vitalício" com a Chanel e a Fendi. Era o responsável por criar anualmente seis coleções para a Chanel, duas para a italiana Fendi, da qual é diretor criativo há mais de 50 anos, e duas para a própria marca Karl Lagerfeld, que fundou em 2004.