Última hora
This content is not available in your region

Uso da impressão 3D na construção evita desperdício

Uso da impressão 3D na construção evita desperdício
Tamanho do texto Aa Aa

Graças à impressão 3D é possível massificar o design personalizado na construção de uma casa, numa perspetiva de desperdício zero. A euronews entrevistou o presidente de uma empresa holandesa que ambiciona revolucionar a arquitetura.

"As diferenças entre a construção digital e a construção tradicional têm a ver com o facto de no primeiro caso só usarmos a quantidade necessária de materiais porque a impressão é realizada camada a camada, até à finalização do objeto.

Em segundo lugar, o tempo necessário para o design e a para a construção é mais reduzido porque é tudo digitalizado numa linha de produção. Em terceiro lugar, a digitalização permite aproximar o design das pessoas", afirmou Hans Vermeulen, presidente da Aectual.

"Acreditamos que a tecnologia vai melhorar exponencialmente nas próximas décadas. E nesse sentido podemos criar uma rede para produzir em grande escala e tornar o processo acessível às pessoas do mundo inteiro que precisam desesperadamente de uma casa. Acreditamos que como humanos temos de poder encontrar a solução para dar a toda a gente uma casa adequada", acrescentou o responsável.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.