A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Disparos de rockets contra Israel

Disparos de rockets contra Israel
Direitos de autor
REUTERS/ Ammar Awad
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos sete pessoas ficaram feridas, no centro de Israel, num ataque com granadas de morteiros.

Segundo as autoridades locais, citadas pela agência France Press, as granadas foram disparadas na Faixa de Gaza e atingiram uma casa na comunidade de Mishmeret. Provocaram um incêndio e destruíram a habitação.

A notícia do ataque, o primeiro desse tipo desde a guerra de 2014, mudou os planos do primeiro-ministro israelita. Benjamin Netanyahu chegou este domingo a Washington e decidiu encurtar a visita aos Estados Unidos. Vai encontrar-se com Donald Trump e, de seguida, regressa a casa.

Netanyahu já garantiu "uma resposta com força" a este ataque que descreveu como "um ato criminoso contra o Estado de Israel”.

O ataque não foi reivindicado mas o exército israelita já acusou o Hamas.