A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Centenas de milhares manifestam-se pela renúncia de Bouteflika

Centenas de milhares manifestam-se pela renúncia de Bouteflika
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Centenas de milhares de argelinos vieram para as ruas de Argel, esta sexta-feira, para exigir a renúncia do Presidente Abdelaziz Bouteflika.

Muitos opõem-se ao poder do Presidente da Argélia e do seu círculo próximo, e rejeitam a ideia de uma intervenção dos militares na vida política civil.

"Estamos aqui para mostrar que todas as pessoas das 48 cidades rejeitam este regime. Eu digo ao regime que nós viemos aqui pacificamente e de forma civilizada e democrática. Vinte anos são suficientes - por isso, saia," afirmou uma das manifestantes.

A maior manifestação desde que a contestação irrompeu há seis semanas foi representativa da sociedade argelina. Juntou de comerciantes a médicos, de professores a pessoas sem-abrigo e operários.

Algumas testemunhas estimaram o número de pessoas nas ruas da capital argelina em cerca de um milhão, mas as autoridades disseram que o número foi menor.