EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Protestos contra junta militar no Sudão

Protestos contra junta militar no Sudão
Direitos de autor 
De  Luis Guita
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Oposição à junta militar quer que o poder seja entregue aos civis.

PUBLICIDADE

Os sudaneses responderam aos apelos dos líderes da oposição à junta militar no poder e vieram para as ruas, querem que o poder seja entregue aos civis.

A Associação de Profissionais do Sudão, que encabeçou quatro meses de protestos que, em abril, derrubaram o presidente Omar al-Bashir, avança com a "marcha de um milhão de homens" .

"A mensagem que queremos enviar através desta 'marcha de um milhão de homens' é por uma autoridade liderada por civis, quer tenhamos de esperar um dia ou um ano, queremos uma autoridade liderada por civis. As pessoas que morreram aqui são mártires e o seu sangue não foi derramado em vão. Defenderemos a nossa causa independentemente de quaisquer circunstâncias," afirma uma manifestante.

Na semana passada, militares e civis concordaram em formar um governo de transição que irá ficar poder durante três anos, até à convocação de eleições.

Contudo, as negociações entre as duas partes estagnaram devido a divergências sobre a composição de um futuro executivo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Alemanha promete milhões em ajuda ao Sudão no aniversário da guerra

Sudão: 18 milhões enfrentam fome severa

Ataque aéreo mata pelo menos 22 pessoas no Sudão