Última hora
This content is not available in your region

Putin demite generais do caso Golunov

euronews_icons_loading
Putin demite generais do caso Golunov
Tamanho do texto Aa Aa

Vladimir Putin, demitiu dois generais da polícia por forjarem o caso em que o jornalista de investigação Ivan Golunov foi acusado de narcotráfico.

De acordo o Kremlin, o Presidente russo afastou os generais, Yuri Deviatkin e Andréi Puchkov, por proposta do ministro do Interior, Vladimir Kolokoltsev.

Golunov foi preso em 6 de junho, após a polícia supostamente encontrar drogas na sua mochila e em casa,

O jornalista foi libertado na terça-feira, sem acusação, depois de o ministro Kolokoltsev reconhecer a ausência de provas para provar a culpabilidade.

Mesmo com Golunov em liberdade, esta quarta-feira mais de mil pessoas protestaram em Moscovo contra a fabricação de casos criminais para silenciar vozes críticas. Mais de 500 manifestantes foram detidos.