Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Bielorússia e China, parceiros de mais um parque industrial

Bielorússia e China, parceiros de mais um parque industrial
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Como encontrar novos incentivos para o desenvolvimento económico e atrair empresas estrangeiras? A Bielorrússia está a lutar por isso, num esforço para obter novos investimentos e acesso ao mercado europeu. Para atingir este objetivo, está a ser contruído um novo parque industrial, perto de Minsk: O Great Stone.

É um projeto conjunto com a China. A Bielorrússia, um pequeno país da Europa Oriental com indicadores económicos bastante modestos, é uma das áreas-chave da chamada Rota da Seda do século XXI. A China conta com a Bielorrússia para se tornar um importante centro de trânsito de entrega de mercadorias chinesas na Europa.

Mais de 60 empresas já foram inscritas, e não apenas da China. Também da Alemanha, Suíça e Áustria. O principal objetivo de atrair empresas europeias na Bielorrússia parece ser atingível, mesmo que seja apenas o início do caminho. E, obviamente, é um jogo em que todos ganham.

Até agora, mais de 450 milhões de dólares foram investidos no desenvolvimento deste parque. Nos próximos anos, esse valor aumentará em pelo menos 3 vezes.