A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Turismo impulsiona PIB italiano em 1,5%

Turismo impulsiona PIB italiano em 1,5%
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

41,7 mil milhões de euros, é o valor que os turistas estrangeiros gastaram em Itália no ano passado, um valor que impulsionou a economia italiana e o PIB em 1,5%..

Um estudo recém-divulgado pela Agência Nacional do Turismo italiano (ENIT) revela que, em 2018, 94 milhões de turistas estrangeiros visitaram a Itália.

"Nos últimos anos, ultrapassamos a França em termos de dormidas internacionais e agora estamos em torno de 210 milhões, contra 140 milhões na França," declarou a diretora de marketing da ENIT, Maria Elena Rossi.

De acordo com a agência, o turismo italiano deverá crescer ainda mais com o aumento da procura do mercado chinês.

O setor gastronómico é crucial para o turismo italiano, o estudo mostra que o gasto diário per capita com comida e vinho nas férias é de cerca de 117 euros.

"Todos os que eu conheço já vieram a Itália ou estão a planear vir cá, tanto pela paisagem como pela comida. Para mim é a comida, a minha companheira ama os museus e igrejas," revela um turista inglês.

No entanto, alguns italianos estão incomodados com o aumento do número de turistas. Sentem que o impulso do turismo está a fazer com que alguns dos pontos mais bonitos do país fiquem superlotados.