Última hora

Líbaneses protestam de mãos dadas

Líbaneses protestam de mãos dadas
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

De mãos dadas, de norte a sul do país. Perto de 170 mil pessoas formaram este domingo uma corrente humana ao longo dos 170 quilómetros da costa do Líbano, unindo as principais cidades mas sobretudo a população. De acordo com a organização, a iniciativa foi um sucesso e decorreu de forma pacífica e sem incidentes.

A corrente humana marcou o décimo primeiro dia de protestos no Líbano num momento histórico. Pela primeira vez, os vários grupos religiosos que formam a sociedade libanesa colocaram de lado as suas diferenças e uniram-se em busca de uma mudança de governo e sistema político.

Os manifestantes apontam o dedo à corrupção e nepotismo dos governantes, que acusam de deixar o país à beira do colapso económico. O Líbano tem atualmente uma das maiores dívidas públicas do mundo, equivalente a mais de 150% do Produto Interno Bruto do país.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.