Mau tempo gera caos da Croácia a Portugal

Mau tempo gera caos da Croácia a Portugal
Direitos de autor AP
Direitos de autor AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Da Croácia, passando por Itália, Espanha, até Portugal, o mau tempo deixa várias vítimas mortais e inúmeros sinais de destruição.

PUBLICIDADE

Foi uma corrida contra o tempo, mas as autoridades italianas conseguiram resgatar, sãos e salvos, os 12 membros da tripulação de um cargueiro encalhado no sul da Sardenha.

A Itália foi um dos países mais fustigados pelas tempestades que se abateram sobre o sul da Europa, nos últimos dias. Registaram-se várias derrocadas, inundações e, pelo menos, três vítimas mortais, a última das quais em Nápoles, na sequência da queda de uma árvore de grandes dimensões.

Ao todo, contam-se mais de uma dezena de mortos provocados pelo mau tempo na Europa, dois deles em Portugal, onde a passagem das depressões Elsa e Fabien deixou mais de 140 pessoas desalojadas. Entretanto, a Proteção Civil portuguesa anuncia que os caudais dos rios estão a regressar à normalidade, mantendo-se o Mondego como a situação mais preocupante.

Da Croácia à França, passando pela Espanha, onde se registaram ventos de 140 km/hora, multiplicaram-se as ocorrências, entre estradas bloqueadas, localidades inundadas e cortes de energia. A real dimensão dos danos materiais está ainda por apurar.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Detido homem que ameaçou fazer-se explodir frente ao consulado do Irão em Paris

Jornalistas têm acesso raro a submarino nuclear francês da classe Rubis

Um arquiteto juntou-se a 17 famílias e nasceu a primeira cooperativa de habitação em Madrid