Última hora
This content is not available in your region

Homenagem às 230 mil vítimas do sismo e tsunami de 2004

Homenagem às 230 mil vítimas do sismo e tsunami de 2004
Direitos de autor  AP Photo/Nurhasanah
Tamanho do texto Aa Aa

Dia de homenagem às quase 230 mil vítimas do tsunami que varreu o Índico. Há 15 anos, um sismo agigantou o oceano e fê-lo transbordar numa fúria mortal inesquecível para quem sobreviveu.

Em Sigli, uma cidade na província de Aceh, na Indonésia, está sinalizada uma das muitas valas comuns que foi preciso criar na altura. Local de peregrinação para muitos nesta data.

"Visitamos sempre as valas comuns das vítimas do tsunami, porque não sabemos onde está enterrada a nossa família. Fazemo-lo todos os anos," diz Deny Eriyanto.

A Indonésia foi o país mais afetado. 126 mil 915 pessoas morreram. Mais de 400 mil ficaram sem casa. Mas o sismo e o tsunami espalharam destruição em 15 países.

Na pequena vila de Ban Nam Khem, na Tailândia, perderam-se 8 mil vidas - 5 mil residentes, cerca de metade da população, e 3 mil turistas. O cenário idílico da Costa de Andamão desapareceu naquela manhã debaixo de uma onda de 30 metro de altura. Uma memória que hoje é apenas uma imagem. Mais de 150 países, entre os quais Portugal, mobilizaram-se no apoio à reabilitação e reconstrução das regões afetadas.