Última hora
This content is not available in your region

Navio-escola Sagres reedita circum-navegação de Fernão de Magalhães

euronews_icons_loading
Navio-escola Sagres reedita circum-navegação de Fernão de Magalhães
Direitos de autor  Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

Dentro de algumas horas, o navio-escola Sagres vai voltar a içar velas ao vento. Às 11h30 locais deste domingo, a embarcação portuguesa começa a volta ao mundo que, em 371 dias, vai reproduzir a circum-navegação de Fernão de Magalhães.

22 portos, 19 países e 12 cidades para celebrar o quinto centenário da viagem do navegador lusitano que, financiado pelo governo espanhol, deu a volta ao mundo por mar.

Entre as várias paragens estará Tóquio. O navio-escola irá atracar na capital japonesa para servir de "casa de Portugal" numa fase inicial da participação nos Jogos Olímpicos.

Mas. passados cinco séculos depois, perigos semelhantes aproximam as missões. De acordo com o comandante do navio-escola, Maurício Camilo, "a pior tirada e a mais longa curiosamente há-de ser a tirada que nos vai levar até ao Estreito de Magalhães, que é numa zona muito recôndita, onde normalmente as condições meteorológicas são más, numa zona fria, no hemisfério sul".

A Marinha portuguesa informa ainda que, "no decorrer da viagem irão embarcar os cadetes da Escola Naval para realizarem a sua viagem de instrução".

Para já, um "até breve". O regresso está marcado para Lisboa, a 10 de janeiro de 2021.