Última hora
This content is not available in your region

Coronavírus mata mais de duas mil pessoas em Itália

euronews_icons_loading
Coronavírus mata mais de duas mil pessoas em Itália
Direitos de autor  AFP
Tamanho do texto Aa Aa

Itália, o país europeu mais afetado pela pandemia do coronavírus, ultrapassou as duas mil vítimas mortais com 349 mortes nas últimas 24 horas.

O país regista um total de 23.073 casos de infeções, o segundo maior número depois da China, onde apareceu o surto da Covid-19 em dezembro.

Para apoiar as famílias e as empresas, o governo italiano anunciou um pacote de 25 mil milhões de euros. O primeiro-ministro garantiu que ninguém deve sentir-se abandonado e que ficar ao lado dos italianos é o principal objetivo do governo de Roma. Para Giuseppe Conte, este pacote de ajuda é a prova da prioridade do governo.

Conte apelou à "coordenação europeia" nos campos da saúde e da economia para combater o coronavírus, alertando para o facto de Itália ainda não ter atingido “o pico" do contágio. Defendeu que não são precisas mais restrições e que os serviços essenciais devem ser garantidos no país.

O primeiro-ministro afirmou que Itália "agiu com coragem e está a ser um exemplo para outros países", como Espanha e França.