EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Proibido ir de férias durante a crise do coronavírus

Proibido ir de férias durante a crise do coronavírus
Direitos de autor AFP
Direitos de autor AFP
De  Patricia Tavares
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Polícia intensifica os controlos nas estradas.

PUBLICIDADE

É proibido ir de férias durante a crise do coronavírus. O ministro do Interior de França, Christophe Castaner, alertou os cidadãos para que anulem os planos de férias da Páscoa a partir deste fim de semana. Qualquer deslocação não justificada será punida, numa altura em que o país continua a transferir centenas de pacientes infetados, para zonas com menor densidade populacional.

Um homem foi preso na França por violar repetidamente as rigorosas medidas restritivas e já foram emitidas mais de 350 mil multas em todo o país.

Há verbalizações e multas previstas e insisto realmente no assunto: as medidas também se aplicam às estações de comboio, será impossível entrar nos comboios ou viajar de automóvel sem justificação.
Didier Lallement
Polícia de Paris

Em Espanha, o cenário é semelhante. A Guarda Civil e a Polícia Nacional reforçam a presença e o controlo nas estradas em zonas turísticas e também nas saídas das grandes cidades, para travar deslocações em massa durante o período da Páscoa.

Na fronteira entre a Bélgica e a Holanda os controlos também rigorosos, para garantir que as pessoas só saem de casa em casos de extrema necessidade.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Turquia preocupada com "aviso de viagem" alemão

Espanha recusou autorização para escala a navio que transportava armas para Israel

Partidos de direita chegam a acordo sobre nova coligação nos Países Baixos