Última hora
This content is not available in your region

"Europe shine a light": Eurovisão em modo virtual

euronews_icons_loading
"Europe shine a light": Eurovisão em modo virtual
Direitos de autor  Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

Com a Arena Ahoy de Roterdão transformada em hospital de campanha e o mundo mergulhado numa pandemia, este ano não há festival da Eurovisão, mas os fãs vão à mesma poder escolher a canção favorita, graças a um evento virtual, em que participam os 41 artistas que deveriam atuar no Festival.

O evento, apresentado a partir de Hilversum, na Holanda, foi batizado "Europe Shine a Light" e vai ser transmitido pelas várias televisões parceiras.

Algumas antigas glórias da Eurovisão, como Måns Zelmerlöw, que venceu em 2015 para a Suécia, vão também participar: "Vou interpretar a canção vencedora de 2015 numa versão "quarentena acústica", no alpendre da minha casa. Esta é sempre uma semana especial para os fãs da Eurovisão, com as semifinais na terça e na quinta. Claro que sábado será ainda mais especial", conta o cantor sueco.

Todas as 41 canções vão ser apresentadas: Não há uma votação nem um vencedor oficial, mas há várias votações informais a ser organizadas. Um dos momentos especiais vai acontecer quando os fãs vão interpretar, em coro, "What's another year", do triplo vencedor Johnny Logan.

O cantor e compositor irlandês diz que "o festival da Eurovisão é um momento que une a Europa e não se trata só da música, mas também da festa e o divertimento com as canções boas mas também com as menos boas, um momento de celebração".

A organização do festival está em negociações com as autoridades de Roterdão para que a cidade holandesa seja palco do festival em 2021, com novas canções.

Esta foi a primeira vez nos 64 anos de história que o Festival da Eurovisão foi cancelado.