Última hora
This content is not available in your region

Trump põe fim a regime preferencial de Hong Kong

euronews_icons_loading
Trump põe fim a regime preferencial de Hong Kong
Direitos de autor  Evan Vucci/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

Donald Trump volta a acentuar a pressão sobre Pequim, anunciando o fim do regime económico preferencial entre os Estados Unidos e Hong Kong e assinando uma lei que prevê sanções contra a "repressão" em território chinês.

Assinei uma ordem executiva que põe fim ao tratamento preferencial dos Estados Unidos face a Hong Kong. O território passará a ser tratado como o resto da China, sem privilégios especiais, sem tratamento económico especial e sem exportação de tecnologias sensíveis.E também aplicamos tarifas maciças sobre a China. É a primeira vez que isso acontece à China.
Donald Trump
presidente dos Estados Unidos

Os Estados Unidos respondem assim à imposição por parte da China, no fim de Junho, de uma lei draconiana sobre a segurança nacional em Hong Kong, classificada pelos opositores e movimentos pró-democracia como opressiva e restritiva para os direitos especiais que gozava o território, como a liberdade de expressão.

A posição norte-americana prejudica também o estatuto de Hong Kong como centro financeiro global.