Última hora
This content is not available in your region

Rei emérito Juan Carlos I abandona Espanha

euronews_icons_loading
Spain's former King Juan Carlos waves at the bullring in Aranjuez, Spain, June 2, 2019
Spain's former King Juan Carlos waves at the bullring in Aranjuez, Spain, June 2, 2019   -   Direitos de autor  Andrea Comas/Copyright 2019 The Associated Press. All rights reserved.
Tamanho do texto Aa Aa

Nova crise da monarquia espanhola em plena crise sanitária.

A coroa espanhola anunciou hoje que o rei emérito Juan Carlos I pretende deixar o país, devido aos escândalos pessoais que vieram a público.

Uma conta secreta na Suíça; negócios em paraísos fiscais e a oferta de 65 milhões de euros a uma antiga amante abalaram a opinião pública espanhola.

O antigo antigo monarca tem sido criticado em praça pública e pediu autorização ao filho - e atual Rei de Espanha -, Felipe VI, para sair do país.

Comunicado de la Casa de S.M. el Rey

Nesta segunda-feira, a casa real publicou uma carta enviada por Juan Carlos, dizendo que pretendia viver fora de Espanha devido às consequências públicas dos escândalos relacionados com a sua vida privada.

Disse ainda tratar-se de uma decisão muito emocional, mas tomada com grande serenidade e que sempre quis o melhor para a Espanha e para a coroa.

Juan Carlos, agora com 82 anos foi chefe de Estado de Espanha durante 40 anos.

O pedido de exílio voluntário de Juan Carlos I foi aceite, mas o escândalo de corrupção continua a alimentar uma imagem negativa da monarquia espanhola.