EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

67 jovens belgas infetados com Covid-19 depois de férias no Algarve

67 jovens belgas infetados com Covid-19 depois de férias no Algarve
Direitos de autor PATRICIA DE MELO MOREIRA/AFP
Direitos de autor PATRICIA DE MELO MOREIRA/AFP
De  Ricardo Borges de Carvalho com LUSA
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Jovens estiveram de férias no início do mês em Albufeira e não respeitam regras de distanciamento social, como admitiu o organizador da viagem

PUBLICIDADE

Pelo menos 67 jovens belgas estão em isolamento domiciliário infetados com Covid-19 depois de terem passado férias no Algarve no inicio do mês.

A informação foi avançada esta quarta-feira pelo governador da província da Flandres Ocidental, Carl Decaluwé.

Os jovens entre os 18 e os 20 anos faziam parte de um grupo de 130 que esteve em Albufeira e não respeitaram as regras de segurança, como já admitiu o operador turístico belga Summer Bash, organizador da viagem.

As autoridades belgas dizem que o número de infetados poderá ser maior já que ainda não conseguiu rastrear todos os contactos dos que testaram positivo ao novo coronavírus.

Para o governo português é vital melhorar a capacidade de testagem à Covid-19 e por isso mesmo o primeiro-ministro, António Costa, anunciou esta quarta-feira um acordo entre várias entidades para aumentar o número diário de testes.

"Este mês já batemos por duas vezes o recorde e creio que no dia 11 já chegámos a mais de 21 mil testes diários realizados. Mas temos de continuar a aumentar essa capacidade. Portanto, este protocolo que nos vai permitir chegar daqui a umas semanas até mais três mil testes possíveis de realizar diariamente, é obviamente um contributo da maior importância."
António Costa
Primeiro-ministro de Portugal

Desde o início da pandemia, já se registaram mais de 65 mil infetados com Covid-19 em Portugal, dos quais perto de 1.900 acabaram por morrer. Na última semana, o número diário de vítimas mortais situou-se entre 3 e 7 pessoas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

OMS alerta contra eventual relaxamento na contenção da Covid-19

Portugal aperta o cerco à Covid-19 nas escolas

Vulcão na península de Reykjanes volta a entrar em erupção