Última hora
This content is not available in your region

Violência na Catalunha por causa de restrições contra a Covid-19

euronews_icons_loading
Violência na Catalunha por causa de restrições contra a Covid-19
Direitos de autor  AP Photo
Tamanho do texto Aa Aa

A polícia catalã recorreu aos bastões para dispersar manifestantes em protesto contra as medidas restritivas impostas para deter o avanço da Covid-19 na região.

Esta sexta-feira, centenas de pessoas convergiram para o centro de Barcelona para se fazerem ouvir contra o encerramento de bares, restaurantes e outros estabelecimentos comerciais.

Borja Mera, um dos manifestantes, explicou as motivações: "Porque as medidas impostas pelo governo de Espanha e pela Generalitat da Catalunha em concreto não têm nenhuma lógica. Não estão fundamentadas. O que têm de fazer é impor mais medidas nos hospitais, dotá-los de pessoal, de material e ajudá-los a superar a pandemia em vez das medidas de controlo social que nos estão a impor."

Vários manifestantes arremessaram pedras nas imediações do edifício da câmara municipal. Alguns acabaram por remover as máscaras falando em roubo.

As restrições incluem o recolher obrigatório às 22h00 e a proibição de abandonar a cidade durante o fim de semana.

Os bombeiros foram chamados a intervir para conter as chamas em baldes do lixo dispersos pela cidade.

De acordo com um porta-voz da polícia, as autoridades fizeram várias detenções.

O diretor da polícia catalã atribuiu os incidentes a grupos minoritários violentos e organizados de extrema-direita.

Em Burgos, protestos idênticos também degeneraram em violência.