Última hora
This content is not available in your region

Covid-19: Europa cada vez com mais restrições

euronews_icons_loading
Athens
Athens   -   Direitos de autor  AP Photo
Tamanho do texto Aa Aa

Com a França na primeira semana de reconfinamento e os comerciantes a condenarem o que chamam de política de "dois pesos e duas medidas", o governo anuncia apoios para as pequenas empresas.

Foi o ministro delegado para as pequenas e médias empresas quem fez o anúncio. Alain Griset afirmou: "Há muitos pequenos comerciantes, o que é uma sorte. Compreendo que é difícil para eles, que há uma falta de compreensão da sua parte. A mensagem que quero transmitir-lhes é, antes de mais, que estamos com eles, apoiamo-los, não só moralmente mas também financeiramente falando. E vamos analisar com os seus representantes como podemos melhorar ainda mais as medidas para que, no final, haja todas as garantias sanitárias que permitam a reabertura destas atividades o mais rapidamente possível. "

Na Grécia, restaurantes, bares, cafés, cinemas e ginásios estão novamente fechados durante duas semanas. O encerramento parcial inclui um recolher obrigatório a nível nacional entre a meia-noite e as 5 da manhã.

Os voos domésticos e internacionais, não essenciais, para Salónica também foram cancelados.

Restrições mais rigorosas também em Genebra, onde os bares, restaurantes e empresas não essenciais vão encerrar também a partir de terça-feira. As pessoas são encorajadas a ficar em casa com a indicação de só saírem quando estritamente necessário.

Na Rússia, com os hospitais sobrecarregados com a afluência de doentes Covid- 19, o ministério da Defesa decidiu enviar equipas médicas de campo, material médico e equipamento de proteção pessoal, para algumas regiões do país.