Última hora
This content is not available in your region

Novo sábado de protestos na Geórgia

euronews_icons_loading
Novo sábado de protestos na Geórgia
Direitos de autor  VANO SHLAMOV/AFP or licensors
Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de pessoas voltaram a sair às ruas de Tbilissi, a capital da Geórgia, contra o governo. Exigem que se marquem novas eleições Legislativas já que a oposição acredita que as realizadas há duas semanas foram marcadas por fraude.

Uma manifestante, Lili Arabuli, química de profissão, dizia que não confiam nas propostas apresentadas pelo governo, que elas "não são interessantes". Acrescentava que o governo ia tentar impedir os protestos, que eles são necessários para "atingir o objetivo" a que se propõem.

00:37 SOT , doctor (male, 59 years old, Georgian

"As únicas negociações aceitáveis são para a realização de novas eleições", dizia outro manifestante, o médico Irakli Mebonia, "porque as eleições foram fraudulentas". Afirmava que continuará a insistir nesta ideia mesmo que seja o "último manifestante na rua".

A Comissão Eleitoral Central deu a vitória ao partido que já estava no governo, Sonho da Geórgia, com 48,23% dos votos. Ao maior partido da oposição, o Movimento Nacional Unido, atribuiu 27,18% mas a oposição fala em votos comprados e ameaças feitas aos eleitores.

Os protestos decorrem desde o escrutínio de 31 de outubro.