Última hora
This content is not available in your region

Talibãs mudam imagem do Afeganistão

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Talibãs mudam imagem do Afeganistão
Direitos de autor  Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

Os Talibãs começam a mudar a face do Afeganistão. O grupo insiste já não ser a força brutal que governou o país na década de 90, mas foram dadas ordens para cobrir os murais outrora coloridos e que espalham mensagens de esperança e paz por toda a capital Cabul, com tinta branca e slogans islâmicos.

Mas será preciso muito mais do que apenas frases cativantes para que os Talibãs possam governar. E eles sabem disso. Sabem que terão de ganhar a confiança da comunidade internacional, para obter a ajuda que cobria 30% do orçamento do país e 90% dos salários dos trabalhadores do setor público. Mas talvez o maior desafio seja ganhar a confiança dos locais que, pelo menos por agora, não estão convencidos de uma nova versão dos Talibãs.

Frente a um banco, em Cabul. Os homens foram obrigados a agachar-se para esperar pela sua vez para levantar 20.000 afghani - cerca de 200 dólares norte-americanos (menos de 170 euros) - o limite imposto para o levantamento de dinheiro até que os Talibãs possam aceder às reservas do país atualmente congeladas pelos Estados Unidos.

Não é a forma mais tradicional de controlar multidões. Estes membros dos Talibãs estão a gritar e a bater nas pessoas com paus. Tentam mantê-los sentados enquanto esperam pela fila. É uma tentativa dos Talibãs de organizar a situação. Muitas pessoas aqui estão a ter verdadeiros problemas de acesso ao dinheiro. Mas a forma como estão a lidar com as coisas é muito difícil de observar
Anelise Borges
Euronews

A tensão era palpável, tal como o medo, devido à repressão e à violência do passado. Um comandante talibã foi questionado se compreendia o medo das pessoas e como é que o grupo planeava abordá-lo.

O povo do Afeganistão não tem medo dos Talibãs, porque os Talibãs surgiram do meio do povo, eles são as crianças deste Afeganistão. E, algumas pessoas que têm medo cometeram um crime.
Qari Karimullah Sajid
Comandante talibã - Provínvia de Logar

Qari Karimullah Sajid também garantiu que todos foram perdoados pelos seus "crimes" que incluem trabalhar com os governos anteriores ou com as tropas estrangeiras e prometeu que todos terão um lugar no próximo governo.

Mesmo as mulheres - embora não em posições de topo.

Não conheço exatamente a política do Emirado, mas posso falar por mim e dizer que a situação de segurança e a situação actual no país não permitem que uma mulher trabalhe nos altos cargos do governo neste momento, a situação na pátria deteriorou-se durante 20 anos, mas talvez no futuro, elas possam trabalhar em altos cargos.
Qari Karimullah Sajid
Comandante talibã - Província de Logar

Muitas pessoas estão preocupadas com o quanto os Talibãs terão de apagar, para escreverem o seu Emirado Islâmico. Mas agora que o impensável aconteceu, serão eles a escolher a imagem do Afeganistão.