EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Pandemia agrava-se no leste da Europa

Pandemia agrava-se no leste da Europa
Direitos de autor Vitali Timkiv/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved
Direitos de autor Vitali Timkiv/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O número de mortes por Covid-19 na Rússia atingiu um novo máximo: 1189 pessoas morreram nas últimas 24 horas. Foram registadas mais de 10 mil novas infeções. No sábado começou uma semana de férias forçadas para os cidadãos russos, numa tentativa de conter o avanço da pandemia.

PUBLICIDADE

O número de mortes por Covid-19 na Rússia atingiu um novo máximo: 1189 pessoas morreram nas últimas 24 horas. Foram registadas mais de 10 mil novas infeções. No sábado começou uma semana de férias forçadas para os cidadãos russos, numa tentativa de conter o avanço da pandemia. Apenas um terço da população tem a vacinação completa.

A situação também é preocupante na Ucrânia, onde várias centenas de cidadãos negacionistas e antivacinas protestaram contra as novas restrições. Enquanto isso, os hospitais registaram um número recorde de internamentos de casos de Covid-19: quase seis mil. Foram detetadas mais de 23 mil novas infeções e 720 pessoas morreram.

Na Chéquia, o número de infeções diárias aproximou-se das 10 mil, um número cerca de 60% mais elevado do que há uma semana. O Governo diz que o vírus está a espalhar-se sobretudo entre os mais novos, que não estão vacinados. O número de casos de infeções pelo novo coronavírus na Europa subiu 6% em relação à semana passada.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Suecos beberam mais álcool durante pandemia

Pelo menos seis feridos em ataque aéreo russo a zona residencial de Kostiantynivka

Rússia procura fortalecer alianças na cimeira do BRICS