Paciente da clínica psiquiátrica que ardeu em Osaca é suspeito de fogo posto

Paciente da clínica psiquiátrica que ardeu em Osaca é suspeito de fogo posto
Direitos de autor Chisato Tanaka/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved.
De  Nara Madeira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Em Osaca, Japão, a polícia fez buscas à casa de um paciente da clínica psiquiátrica que ardeu, homem é suspeito de fogo posto.

PUBLICIDADE

A polícia japonesa fez buscas, este sábado, à casa de um dos pacientes de uma clínica psiquiátrica, em Osaca, o local onde na sexta-feira deflagrou um incêndio que destruiu um andar inteiro num edifício de oito andares, matando 24 pessoas que ficaram presas no seu interior.

No local onde vive o suspeito foi encontrado um cartão que o dá como paciente da referida clínica. Testemunhas garantiam ter visto um homem a entrar neste espaço, localizado no centro de Osaca, levando um saco de papel, que colocou no chão, mesmo ao lado de um aquecedor, que tê-lo-á pontapeado e do seu interior terá saído um líquido que iniciou o fogo.

Acredita-se que este homem está entre as três pessoas que sobreviveram ao incêndio e que se encontram em estado grave. A polícia espera que ele recupere para ser interrogado.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Polícia revê para nove número de mortos no incêndio em Valência

Incêndio em prédio de 14 andares em Valência faz pelo menos quatro mortos

Incêndio de grandes dimensões consome prédio residencial de 14 andares em Valência