EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Natal em tempos de pandemia

Natal em tempos de pandemia
Direitos de autor Jonathan Brady/AP
Direitos de autor Jonathan Brady/AP
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Cristãos celebram o Natal, o segundo durante a pandemia da Covid-19. Arcebispo da Cantuária pede para que refugiados sejam acolhidos com compaixão

PUBLICIDADE

O Arcebispo de Cantuária, em Inglaterra, apelou à compaixão, exortando os britânicos a acolher os refugiados, "aqueles que não são como nós".

No seu sermão do dia de Natal, Justin Welby enalteceu o trabalho dos voluntários do Royal National Lifeboat Institution, por salvarem a vida daqueles que, segundo referiu, "arriscaram tudo para chegar às praias" no Reino Unido.

Mais de 25.000 pessoas chegaram à Grã-Bretanha em pequenas embarcações este ano, um aumento significativo se compararmos com os 8.500 em 2020 e apenas 300 em 2018.

Na Roménia, os cristãos ortodoxos celebraram o Natal, assistindo aos cultos religiosos nas igrejas, apesar dos elevados números de novos casos de Covid-19 no país.

A pandemia assombrou as celebrações do nascimento do Menino Jesus.

Um romeno partilha que tem esperança de que 2022 seja um ano melhor pois "esta pandemia acabou connosco." O homem diz que reza pela felicidade, pela realização das suas esperanças e pelas esperanças da nação.

Na Macedónia do Norte, nem a confirmação do primeiro caso registado da variante Ómicron impediu os cristãos de celebrar o nascimento de Cristo.

Na capital, Skopje, na Catedral Católica do Sagrado Coração, o bispo Kiro Stojanov pediu aos fiéis que renovassem a sua fé na salvação, nos tempos difíceis em que vivemos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Presépio de Múrcia regressa depois de sete anos de restauro

Pandemia afasta pessoas das ruas para o 'Boxing Day' no Reino Unido

Líderes mundiais deixam tradicionais mensagens de Natal