This content is not available in your region

O polémico Lorde Lebedev

Access to the comments Comentários
De  Teresa Bizarro
O polémico Lorde Lebedev
Direitos de autor  Jeremy Selwyn/AP

A cidade de Londres é apontada como o paraíso dos oligarcas russos. A descrição é do jornal The Guardian que revela a forma como nos últimos anos o dinheiro russo moldou o centro da cidade. As famílias dos homens mais poderosos da Rússia têm casa nos melhores bairros e alguns são cidadãos britânicos de pleno direito.

É o caso de Evgeny Lebedev, filho de Alexander Lebedev, um banqueiro russo e antigo agente do KGB.

Adrian Brooks /Business Wire/AP
Boris Johnson, com Evgeny Lebedev (ao centro) e Jim Hilt, diretor da Barnes & Noble (Maio de 2013)Adrian Brooks /Business Wire/AP

Evgeny já aparecia sorridente ao lado de Boris Johnson em 2013, mas foi só em 2020 que a relação com a elite britânica fez franzir o sobrolho dos comuns. 

Foi nessa altura que o primeiro-ministro do Reino Unido propôs que o russo-britânico, dono dos jornais Evening Standard e The Independent, fosse reconhecido como Lorde, com direito a assento na Câmara alta do parlamento nacional.

Uma nomeação, sabe-se agora, contra a avaliação da secreta britânica que a classificou como um risco potencial para a segurança, segundo a BBC.

O ministro da Justiça já veio em defesa de Boris Johnson, dizendo que não houve irregularidades no processo. A oposição trabalhista manifesta-se preocupada e há quem queira ver o detalhe das contribuições de magnatas russos para a acampanha do Partido Conservador.