This content is not available in your region

Pelo menos 15 desaparecidos em deslizamento de terras no Peru

Access to the comments Comentários
De  euronews  com Lusa, AFP
euronews_icons_loading
Pelo menos 15 desaparecidos em deslizamento de terras no Peru
Direitos de autor  Parcoy Municipality via AP

Pelo menos 15 pessoas desapareceram, na sequência de um aluimento de terras no norte do Peru, disseram na terça-feira as autoridades.

"Estimamos que entre 15 e 20 pessoas ainda estão desaparecidas", disse o ministro da Defesa peruano, José Gavidia, durante uma visita à localidade, cerca de 12 horas após o desabamento da encosta.

As autoridades indicaram que pelo menos três crianças estão entre os desaparecidos.

Em vídeos filmados por moradores da vila de Retamas é possível ver toneladas de terra a cair do topo da encosta e a engolir dezenas de casas.

"A terra cobriu, segundo as primeiras observações, entre 60 e 80 casas", disse à uma rádio local o governador da região de Libertad, Manuel Llempen. As casas "estão completamente soterradas".

Várias pessoas enterradas na lama e na rocha foram resgatadas por vizinhos, que perfuraram os telhados e paredes das casas, informou a imprensa local.

"Há muitas pessoas presas... dentro das casas", disse Llempen.

O Presidente do Peru, Pedro Castillo, garantiu que o governo vai ajudar as famílias afetadas pelo desastre.

Retamas, onde vivem sobretudo famílias de garimpeiros, é uma vila de difícil acesso, localizada a 16 horas de distância da capital regional Trujillo, cerca de 500 quilómetros a norte de Lima.

Aluimentos de terras são comuns durante os meses de verão, no hemisfério sul, nos Andes peruanos devido às chuvas sazonais.