This content is not available in your region

Putin "é um ditador com tropas tolas"

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Biden visita fábrica de armas no Alabama
Biden visita fábrica de armas no Alabama   -   Direitos de autor  AP /Andrew Harnik

"É um ditador com tropas tolas". Foi assim que Joe Biden se referiu a Vladimir Putin e ao exército russo durante uma visita a uma fábrica no estado do Alabama que produz armas utilizadas pelas forças da Ucrânia

O presidente dos Estados Unidos da América, que está a pressionar o Congresso para aprovar um pacote de ajuda à Ucrânia no valor de 33 mil milhões de dólares, elogiou os trabalhadores e acusou o homólogo russo.

"Vocês estão a permitir que os ucranianos se defendam. Muito francamente, vocês estão a fazer dos militares russos parvos em muitos casos (...) Se não enfrentarmos os ditadores, a história mostrou-nos que eles continuam a surgir, continuam a surgir. O seu apetite pelo poder continua a crescer", sublinhou o chefe de Estado norte-americano.

Na Rússia, Vladimir Putin culpou o Ocidente pela escalada do conflito por causa do fornecimento de armas à Ucrânia. Numa conversa telefónica com o presidente francês Emmanuel Macron, o russo exigiu que os países ocidentais deixem de enviar armas, mas também que exerçam aquilo a que o Kremlin descreveu como uma "influência apropriada" sobre Kiev para se colocar fim à guerra.