Chanceler alemão de visita a África

Olaf Scholz (esq.) e Macky Sall (dir.)
Olaf Scholz (esq.) e Macky Sall (dir.) Direitos de autor SEYLLOU/AFP
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Olaf Scholz discutiu gás natural e energias renováveis no Senegal e o futuro do contingente de forças europeias no Níger

PUBLICIDADE

O chanceler alemão Olaf Scholz encontra-se de visita a África onde no domingo se reuniu com o presidente do Senegal, Macky Sall.

Na agenda do líder europeu encontra-se a cooperação ao nível das energias renováveis mas também o aproveitamento dos recursos naturais do Senegal, como é o caso do gás natural. 

Para o Senegal, está em jogo a construção de oito centrais de energia solar.

É claro que também se trata de cooperação na utilização dos recursos de gás natural que o Senegal tem
Olaf Scholz
Chanceler, Alemanha

"No que diz respeito à questão da cooperação energética, ela é muito ampla. Falamos de energias renováveis, como o Presidente salientou, falamos de capacidades de armazenamento no que diz respeito à energia solar e eólica. Mas é claro que também se trata de cooperação na utilização dos recursos de gás natural que o Senegal tem. Trata-se de explorar as oportunidades futuras que aí surgirão e os investimentos técnicos em infraestruturas de centrais eléctricas que são necessários para tal".

Esta segunda-feira, o chanceler alemão prosseguiu o périplo africano com uma visita ao Níger onde se encontra um contingente de forças alemãs no âmbito de uma missão de formação da União Europeia e cujo objetivo é preparar forças locais para lutarem contra a ameaça do terrorismo islâmico.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Scholz e Macron reafirmam apoio à Ucrânia

Olaf Scholz: O mundo entrou numa "nova era" com a invasão da Ucrânia

Em 2024, gregos podem optar por conta da eletricidade fixa ou variável