Belgorod: região fronteiriça russa alvo de ataques crescentes

Rússia classificou novo incidente em Belgorod como "ataque terrorista"
Rússia classificou novo incidente em Belgorod como "ataque terrorista" Direitos de autor AP/Copyright 2022 The AP. All rights reserved
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Ministério russo da Defesa diz que dois homens, de uma ex-república soviética não identificada, dispararam, este sábado, contra soldados num campo de tiro militar russo, matando 11 pessoas e ferindo outras 15, antes de serem abatidos

PUBLICIDADE

A região russa de Belgorod, junto à fronteira com a Ucrânia, continua a ser alvo de vários ataques.

Ao bombardeamento de um depósito de petróleo e ao ataque a uma subestação elétrica da cidade, soma-se um incidente, este sábado, já tratado como "ataque terrorista" pela Rússia.

O ministério russo da Defesa diz que dois homens, de uma ex-república soviética não identificada, dispararam contra soldados num campo de tiro militar russo, matando 11 pessoas e ferindo outras 15, antes de serem abatidos.

"Ontem, um evento terrível aconteceu no nosso território, no território de uma das unidades militares. Cometeu-se um ataque terrorista. Muitos soldados foram mortos e ficaram feridos. Todos os feridos estão a receber ajuda. Temos todas as coisas necessárias: materiais médicos , médicos e tudo", sublinhou Vyacheslav Gladkov, governador de Belgorod.

O governador da região no sudoeste da Rússia divulgou, entretanto, imagens do que diz ser o resultado de um ataque ucraniano a um depósito de petróleo.

Na semana passada, a Rússia denunciou um aumento considerável de ataques ucranianos em várias regiões fronteiriças.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Avião russo cai em bairro residencial

Rússia declara correspondente da BBC de “agente estrangeiro”

Como a ucraniana Valeriia, de 17 anos, escapou a um campo de reeducação russo