Iraquiano queimou Alcorão em frente à Grande Mesquita de Estocolmo

Iraquiano queimou cópia do Alcorão em frente à Grande Mesquita de Estocolmo
Iraquiano queimou cópia do Alcorão em frente à Grande Mesquita de Estocolmo Direitos de autor Nariman El-Mofty/Copyright 2022 The AP. All rights reserved.
Direitos de autor Nariman El-Mofty/Copyright 2022 The AP. All rights reserved.
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Polícia tentou impedir a realização do protesto, mas tribunal autorizou-o. Turquia, que vetou a adesão da Suécia à NATO, já criticou o que aconteceu.

PUBLICIDADE

Um homem de origem iraquiana que vive na Suécia queimou uma cópia do Alcorão em frente à Grande Mesquita de Estocolmo. 

A polícia queria proibir este protesto, mas um tribunal rejeitou o pedido. 

E o acontecimento constrange o Governo sueco a poucos dias da cimeira da NATO para discutir a adesão do país à Aliança. Sob forte presença policial, cerca de duas centenas de pessoas assistiram ao protesto e muitas não gostaram do que viram.

"Não devemos tolerar essas coisas, só temos que dizer 'basta'. Não é correto humilhar outras pessoas", disse Lotta Jahn, uma assistente social de 43 anos.

"A liberdade de expressão é muito importante mas acho que queimar um livro religioso, não é liberdade de expressão, é outra coisa, é uma provocação", afirma Claes Gabrielson, fotógrafo. 

A Turquia, que vetou a entrada da Suécia na NATO por causa de Estocolmo ter concedido asilo a militantes de organizações curdas que considera terroristas, criticou duramente o que aconteceu.... e disse que este protesto não ajuda a levantar o veto.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Suécia reforça segurança após ameaças de ataques terroristas

"Nem tudo o que é legal é ético", diz Borrell que condena a queima do Alcorão

Corão gera crise diplomática entre Iraque e Suécia