EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Papa Francisco critica "falta de humanidade" com que a Europa trata os migrantes

Papa Francisco iniciou esta sexta-feira visita de dois dias a Marselha
Papa Francisco iniciou esta sexta-feira visita de dois dias a Marselha Direitos de autor Daniel Cole/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
Direitos de autor Daniel Cole/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Numa visita a Marselha, Papa criticou o "fanatismo e a indiferença" para com os migrantes que chegam à Europa em busca de uma vida melhor.

PUBLICIDADE

O Papa Francisco chegou esta sexta-feira à cidade francesa de Marselha para uma visita de dois dias.

No início da visita, Francisco presidiu a um momento de oração num memorial dedicado a marinheiros e migrantes que morreram no mar, rodeado de líderes religiosos locais e organizações de resgate de migrantes.

"Não podemos resignar-nos a ver seres humanos tratados como moeda de troca, aprisionados e torturados de forma atroz. Não podemos continuar a assistir ao drama dos naufrágios, causados pelo tráfico cruel e pelo fanatismo da indiferença", afirmou o líder da Igreja Católica.

Na viagem de avião para Marselha, o Papa já tinha lamentado a “crueldade e a falta de humanidade” com que a Europa está a tratar o drama dos migrantes que chegam à ilha italiana de Lampedusa.

O Papa disse que é um “dever da humanidade” ajudar quem atravessa o mar para a Europa e apelou a uma nova atitude perante este flagelo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Papa inicía Sínodo com mensagem de abertura e unidade na Igreja Católica

Reunião do EuroMed 9 sem progressos sobre a imigração

Mortes de migrantes no Canal da Mancha levantam questões em Londres e Paris