Primeiro-ministro britânico revela que cancro do rei Carlos III foi "detetado cedo"

Primeiro-ministro britânico revela que cancro do rei Carlos III foi "detetado cedo"
Primeiro-ministro britânico revela que cancro do rei Carlos III foi "detetado cedo" Direitos de autor Aaron Chown/PA
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O cancro do rei Carlos III, cujo tipo ainda não foi revelado, foi diagnosticado durante um tratamento à próstata. No entanto, o Palácio de Buckingham indica que nada tem a ver com esta.

PUBLICIDADE

O primeiro-ministro britânico, Rishi Sunak, revelou esta terça-feira, que o cancro do rei Carlos III foi “diagnosticado cedo”, embora tenha confessado que ficou “chocado e triste” com a notícia. O tipo de cancro do rei de Inglaterra ainda não foi revelado. 

Rishi Sunak referiu ainda, citado pelas agências internacionais, que tem estado em contacto com o monarca desde o diagnóstico e que a comunicação entre ambos prosseguirá normalmente.

O rei foi diagnosticado com a doença durante um tratamento recente à próstata, mas o Palácio de Buckingham informou que os dois problemas não estão relacionados.

Também os especialistas afirmam que o facto da doença ter sido detetata precocemente foi “muito importante”.

"Durante o exame da pélvis também são examinados outros órgãos, ou podem ter sido efetuados alguns testes pré-operatórios. Mas o mais importante é que parece que ele não tinha quaisquer sintomas deste cancro. Por isso, foi detetado precocemente”, esclareceu a oncologista Patricia Price, em declarações à Euronews.

O anúncio da doença de Carlos III, de 75 anos, foi feito pelo Palácio de Buckingham na segunda-feira, tendo sido também revelado que o rei já iniciou tratamento.

O monarca, que subiu ao trono após a morte da mãe, a rainha Isabel II,  foi aconselhado a afastar-se temporariamente dos compromissos públicos. Alguns destes vão ser assumidos pela rainha Camilla e pelo herdeiro de Carlos, o príncipe William. Já o príncipe Harry deverá viajar dos Estados Unidos para visitar o pai nos próximos dias, de acordo com as agências internacionais.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Líderes europeus felicitam rei Carlos III

Velha guarda do rock em peso na abertura da Gibson Garage

Notas com cara de Carlos III entram em circulação em junho