EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

A promessa do digital

A promessa do digital
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O filão do digital na Europa e as oportunidades que este representa para as PME - venha com o Business Planet até à Estónia.

O filão do digital na Europa eas oportunidades que este representa para as PME- venha com o Business Planet até à Estónia.

A Estónia é o país europeu mais ligado à Internet. Na Faculdade de Tecnologia de Tallin, Mikk Vainik, especialista no desenvolvimento do digital, sublinha no entanto que “apenas 2% das empresas europeias tiram todo o partido do mundo digital. Ainda estamos claramente atrás dos Estados Unidos…”

Fomos visitar uma PME na cidade de Tartu que o Business Planet descobriu há já quatro anos. A Estónia dedicou mesmo um selo comemorativo a esta empresa, o que atesta do orgulho que o Estado báltico tem no trabalho da Fortumo. Em 2007, um grupo de recém-licenciados criou um sistema que permite aos internautas pagar as suas compras sem possuir um cartão bancário. As aquisições são faturadas na conta do telemóvel. É uma solução que tem feito muito sucesso em alguns países emergentes.

“Desde 2012, expandimos para 35 novos mercados. Os nossos serviços estão acessíveis a 3,2 mil milhões de pessoas em 95 países. A nossa plataforma é utilizada pelos maiores comerciantes digitais do mundo”, afirma Martin Koppel, o diretor executivo da Fortumo.

Os primeiros clientes desta empresa foram os criadores de videojogos. Depois vieram gigantes como a Google, a Microsoft e a Sony. Segundo Koppel, “os lucros têm crescido a um ritmo de 50% ao ano. Triplicámos o número de empregados desde 2012. Abrimos escritórios na Índia, na China, em Singapura e no Vietname.”

A Fortumo tem atualmente 70 salariados. O objetivo anunciado é multiplicar o volume de negócios por cinco nos próximos três anos.

O discurso do desenvolvimento das capacidades digitais foca sobretudo as PME tradicionais e as possibilidades oferecidas ao nível da diversificação dos negócios. De acordo com Mikk Vainik, “a aproximação à realidade americana pode gerar mais de um milhão de postos de trabalho e mais valor acrescentado.” Para este especialista, as PME que queiram explorar as vantagens do digital devem começar por encontrar “uma startup que já tenha feito parte do trabalho.”

A promessa do digital em números

  • A economia digital representa 8% do PIB das 20 maiores economias mundiais, estimulando o crescimento e o emprego.
  • O seu potencial é ainda subexplorado na Europa, onde 41% das empresas não dispõe de competências digitais. Apenas 2% aproveita todo o devido potencial.
  • Se os países da UE seguissem os passos dos Estados Unidos, seriam criados entre 400 mil e 1 milhão e meio de novos empregos.
  • A Fortumo é uma empresa digital fundada em 2007 por um grupo de recém-licenciados que pretendia criar um sistema de pagamento através do telemóvel sem cartões bancários.
  • Com a ajuda da Enterprise Europe Network (EEN), alcançaram dimensão mundial. Têm agora 70 empregados e os seus serviços são acessíveis a mais de 3 mil milhões de pessoas.
  • A Watify é uma plataforma de startup criada pela Comissão Europeia, onde se podem encontrar exemplos de oportunidades no digital para as PME.

Ligações úteis

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

As propostas de Enrico Letta para reformar o mercado único europeu

Adesão à União Europeia ajuda as empresas a pensarem em grande e a crescerem

O que é que acontece quando um setor é inundado por importações baratas?