EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Argentina regressa ao mercado obrigacionista

Argentina regressa ao mercado obrigacionista
Direitos de autor 
De  Patricia Cardoso com REUTERS, AFP
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Quinze anos depois a Argentina regressa ao mercado obrigacionista. Esta segunda-feira, Buenos Aires propôs títulos da dívida a três, cinco, dez e 30

PUBLICIDADE

Quinze anos depois a Argentina regressa ao mercado obrigacionista. Esta segunda-feira, Buenos Aires propôs títulos da dívida a três, cinco, dez e 30 anos.

A procura terá atingido quase 70 mil milhões de dólares, cinco vezes mais do que o objetivo inicial.

As taxas de juro situam-se entre os seis e os oito por cento.

A Argentina pode regressar ao mercado da dívida, depois do novo presidente, Mauricio Macri, ter obtido a luz verde do parlamento para emitir dívida e indemnizar os fundos especulativos que recusavam a reestruturação da dívida, após a bancarrota do país em 2001.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

O sentimento económico da Alemanha desce mais do que o esperado: A recuperação está em risco?

A reeleição de Trump poderá afetar a economia europeia em 150 mil milhões de euros

Portugal celebra as feras e os heróis míticos com uma moeda de Ulisses